Comissão Gestora do Plano de Logística Sustentável ganha nova composição.

A Comissão será presidida pelo desembargador Raphael Americano Câmara.

A nova composição da Comissão Gestora do Plano de Logística Sustentável (CGPLS) do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) foi instituída por meio do Ato Normativo nº 43/2022, assinado pelo presidente do TJES, desembargador Fabio Clem de Oliveira, e disponibilizado no Diário da Justiça Eletrônico (e-diario) na última semana.

A CGPLS, que tem como atribuição monitorar, avaliar e revisar o Plano de Logística Sustentável do TJES (PLS), será presidida pelo desembargador Raphael Americano Câmara e terá como coordenadora auxiliar a juíza Graciela de Rezende Henriquez. A equipe também será composta pelo secretário de Infraestrutura Fabio Tadeu Dias e pelas servidoras Renata de Souza Santos, Júlia Buticosky e Amina Rocha Moreira.

Por meio do Plano de Logística Sustentável (PLS), a Comissão deverá fomentar ações que estimulem: o aperfeiçoamento contínuo da qualidade do gasto público; o uso sustentável de recursos naturais e bens públicos; a redução do impacto negativo das atividades do órgão no meio ambiente com a adequada gestão dos resíduos gerados; a promoção das contratações sustentáveis; a gestão sustentável de documentos, em conjunto com a unidade responsável; a sensibilização e capacitação do corpo funcional, força de trabalho auxiliar e de outras partes interessadas; e a qualidade de vida no ambiente de trabalho, em conjunto com a Secretaria de Gestão de Pessoas.

Macrodesafio: Promoção da sustentabilidade

Vitória, 13 de maio de 2022

Informações à Imprensa

Assessoria de Imprensa e Comunicação Social do TJES
Texto: Elza Silva | elcrsilva@tjes.jus.br

Maira Ferreira
Assessora de Comunicação do TJES

imprensa@tjes.jus.br
www.tjes.jus.br